logo

Início > Geral >

Defensor da música regional, Jota Gomes é morto em Campina

31 de dezembro de 2017 Foto: Reprodução web



 

O radialista, cantor e compositor Jota Gomes foi morto a tiros na madrugada deste domingo (31). João Gomes da Cruz, 56 anos, conduzia programa na emissora Rádio Panorâmica FM.

O ‘Cowboy do Asfalto’, como gostava de ser reconhecido, foi morto na Rua Camila Abrão Jorge, no bairro do Jardim Paulistano, em Campina Grande, já próximo das 4h. Segundo informes da polícia, os disparos atingiram o rosto e o peito.

Relatos dão conta de que Jota Gomes seguia para a casa de outro radialista, um roteiro seguido por ele constumeiramente, já que os colegas seguiam juntos para a emissora.

O radialista foi atingido quando estava fora do seu carro. O SAMU ainda foi ao socorro, mas não houve condições de salvá-lo. As investigações sobre o caso estão sob a coordenação da delegada Nercília Dantas, que acredita na hipótese de latrocínio (roubo seguido de morte).

Posteriormente traremos mais detalhes sobre o caso.

(Da Redação, com informações do blog Renato Diniz e redes sociais)

CATÁLOGO DE PROFISSIONAIS

Quem sabe fazer sua festa

logo