logo

Início > Literatura >

Livro conta a história do grupo Jaguaribe Carne

24 de janeiro de 2018

Pedro Osmar em foto de Thiago Nozi

 

A história, formação, atuação e influência do movimento artístico-cultural Jaguaribe Carne estão no livro ‘Jaguaribe Carne: experimentalismo na música paraibana’, que será lançado no dia 30 deste mês. Na ocasião, haverá apresentações musicais de Pedro Freire, Uaná Barreto, Lucas Dan e Filipe Felix.

A obra é de George Glauber, que a adaptou da própria dissertação do trabalho de pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Música da Universidade Federal da Paraíba (PPGM/UFPB).

O livro faz uma análise musical da produção autoral do grupo, centrada no experimentalismo do Jaguaribe Carne. O autor faz também algumas conexões com outras produções musicais brasileiras que trouxeram inovação e experimentalismo, como o tropicalismo e as canções do nacional-popular.

O projeto conta com a produção executiva de Rosanna Chaves, patrocínio do Fundo Municipal de Cultura (FMC-JP), apoio da Funesc e realização do coletivo Haja Cultura.

“O Jaguaribe Carne é um grupo emblemático em João Pessoa. Cresci ouvindo sobre a importância político-artístico-cultural do grupo, mas eu não compreendia. Essa vivência artística na minha infância me nutriu a curiosidade em compreender melhor as andanças artísticas do grupo e o porquê deles influenciarem tantos outros artistas”, declara George Glauber.

Pedro e Osmar, os irmãos Santos / Foto: Rafael Passos – divulgação

Na mesma noite será lançado o CD ‘Jaguaribe Carne Instrumental’, uma remasterização realizada no Peixeboi Estúdio, por Marcelo Macedo. Quando o grupo Jaguaribe Carne completou 40 anos de carreira, o sonho de publicar o livro e reeditar o CD se concretizou. George acredita na possibilidade de atingir um público além do meio acadêmico e que através do livro as pessoas conheçam a história, vida, poesia e carreira musical dos irmãos Pedro Osmar e Paulo Ró, fundadores e atuais integrantes do Jaguaribe Carne.

George Glauber Félix Severo é bacharel em música com habilitação em percussão, e é mestre na área de etnomusicologia pelo Programa de Pós-Graduação em Música da UFPB. Também é professor de música do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB), e ainda atua como extensionista, músico e parceiro do coletivo Haja Cultura.

‘Guerrilha cultural’

É um grupo formado em 1974 pelos irmãos Pedro Osmar e Paulo Ró, que na época residiam no bairro de Jaguaribe, no centro de João Pessoa. Em âmbito local, foram um dos primeiros grupos a fundir elementos estéticos da música experimental e da performance com elementos da música popular nordestina, latino-americana de modo geral. Autointitulados um grupo de “guerrilha cultural”, o grupo movimentava a vida do bairro com saraus, exibição de filmes e um trabalho social de inclusão através da arte.

Serviço:

Lançamento: ‘Jaguaribe Carne: experimentalismo na música paraibana’

30/1 | 19h | Fundação Espaço Cultural (Funesc), no Auditório I – Mezanino 2 | João Pessoa-PB

 

(Da assessoria do evento)

CATÁLOGO DE PROFISSIONAIS

Quem sabe fazer sua festa

logo